Reduza os custos de TI da sua empresa ou ganhe dinheiro fazendo chamados de TI

Analista de infraestrutura de TI: qual a rotina desse profissional?

Analista de infraestrutura de TI: qual a rotina desse profissional?

Analista de infraestrutura de TI: qual a rotina desse profissional?

O analista de infraestrutura de TI é um profissional importante em qualquer empresa nos dias de hoje. Mas você sabe qual a razão disso? Sabe quais suas responsabilidades e rotina de trabalho? É sobre isso que vamos falar hoje.

A infraestrutura de TI é todo o alicerce interno de tecnologia presente dentro de uma empresa. Ela compreende o conjunto de ferramentas necessárias para o pleno funcionamento das operações, como por exemplo:

  • Dispositivos: Desktops, notebooks, tablets, smartphones.;
  • Servidores: E-mail, sistemas operacionais, banco de dados, nobreaks, armazenagem e backup;
  • Redes: Internet, roteador, switch, cabeamento, ponto de rede, firewall, Wi-Fi;
  • Impressoras: Jato tinta, laser, multifuncional e scanner;
  • Telefonia: Linha telefônica, cabeamento, aparelhos e VoIP.

Como podemos ver, o equipamento de TI dentro de uma empresa é amplo e complexo. É por isso que se faz necessária a presença de um profissional devidamente capacitado, que possa gerir todo esse conjunto.

Estamos falando do analista de infraestrutura de TI

Se você pensa em seguir carreira como analista de infraestrutura de TI, este artigo vai te ajudar. Vamos explicar melhor como funciona a rotina desse profissional e quais são suas responsabilidades, além do perfil profissional ideal para quem busca atuar na área.

Acompanhe!

O que faz um analista de infraestrutura de TI?

O analista de infraestrutura de TI, ou simplesmente analista de TI, é o profissional responsável principalmente pelo tráfego seguro e fluido de todas as informações referentes à empresa em que atua.

Ou seja, seu principal objetivo é fazer com que toda a estrutura tecnológica do negócio opere com máxima performance, apresentando qualidade e eficiência.

Dentro desse contexto, podemos classificar suas principais atribuições e responsabilidades em três vertentes principais: planejamento e instalação, manutenção e segurança, atendimento e suporte.

Vamos falar sobre cada uma delas à seguir.

Planejamento e instalação

O analista de infraestrutura em TI deve projetar as redes de computadores. Isso significa que ele atua diretamente no planejamento da estrutura.

Ele é quem vai fazer análises específicas, selecionar e instalar softwares e hardwares básicos e de apoio, como sistemas operacionais, banco de dados, plataformas de gestão, entre outros.

Todo esse processo de escolha e implementações deve ser baseado no perfil do negócio, necessidades e recursos da empresa em questão.

Manutenção e segurança

O analista de infraestrutura em TI também é quem deve garantir que todo o sistema esteja funcionando corretamente após sua instalação.

Para isso, ele deve fazer revisões frequentes, adotando uma postura preventiva que garanta a integridade e qualidade do equipamento.

Da mesma forma, ele deve zelar pela segurança da informação, criando políticas de backup e proteção, criando barreiras contra possíveis invasões ou vazamentos.

Atendimento e suporte

A terceira vertente em que o analista de infraestrutura de TI pode atuar é no atendimento e suporte técnico. 

Em outras palavras, esse profissional fica também encarregado de resolver chamados que chegam através de Service Desk ou Help Desk.

Dentro dessa possibilidade, ele atuará instalando, configurando e atualizando softwares de clientes, realizando acesso remoto, assim como esclarecendo dúvidas de usuários e fornecendo os requisitos necessários para o funcionamento adequado das estruturas de rede ou informacionais.

Perfil do analista de infraestrutura de TI

Como vimos, o analista de infraestrutura de TI pode ter atribuições diversas no exercício de sua função. Então quais seriam as habilidades (pessoais e técnicas) necessárias para aqueles que desejam ingressar na área?

Vejamos a seguir.

Foco em resultado

O analista de infraestrutura de TI precisa ser muito focado. Além de ter contato direto com o cliente, que pode ser o usuário ou uma empresa, ele será responsável por guiar atividades que devem servir a objetivos estratégicos específicos.

Isso significa que ele deve estar sempre focado em encontrar e proporcionar a melhor solução para o alcance dessas metas, se dedicando a oferecer um atendimento de qualidade para que o cliente fique satisfeito.

Excelente comunicação

O analista de infraestrutura de TI precisa ser comunicativo. Dentro de uma empresa ele certamente fará parte de uma equipe e vai precisar desenvolver um diálogo eficiente para expor suas ideias da melhor forma.

Por outro lado, ao lidar diretamente com o usuário, ele deve ter em mente que muitas vezes poderá lidar com pessoas leigas e que não entendem nada de tecnologia

Esse tipo de situação demanda uma performance ainda mais clara, que possa comunicar exatamente o problema ao usuário com uma linguagem de fácil compreensão, mais acessível.

Fazer esse tipo de ponte também é de responsabilidade do analista de TI.

Inglês no mínimo intermediário

O setor de TI demanda um conhecimento no mínimo intermediário de inglês, visto a quantidade de termos e conceitos nesse idioma.

Além disso, a área passa por constante aperfeiçoamento por conta da rapidez com que a tecnologia evolui, e os primeiros materiais são sempre em inglês. 

Para quem quer estar sempre na frente ou tem interesse em adquirir certificações reconhecidas internacionalmente, investir no aprendizado da língua e essencial.

Agilidade

O analista de TI deve ser um profissional ágil e que sabe trabalhar sob pressão, já que muitos aspectos estarão sob responsabilidade dele. Isso exige soluções rápidas a todo momento.

Um sistema que, por razão desconhecida, fica fora do ar, pode deixar uma empresa inteira inoperante. 

Como nesses casos a cobrança é grande, já que uma empresa pode ter prejuízos enormes a cada hora parada, o profissional responsável deve ter uma capacidade analítica eficiente, identificando rapidamente o problema e aplicando a solução.

Organização

O analista de infraestrutura de TI deve ter capacidade de organização para administrar sua lista de tarefas. 

Em um mesmo dia, ele poderá cuidar da manutenção de um sistema interno, realizando atualizações e varreduras de ameaças, assim como atendendo a chamados de usuários externos com dificuldades de acesso a um determinado software, por exemplo.

A rotina é atribulada e exige organização para definir as tarefas mais urgentes e que exigem prioridade, cumprindo prazos e não deixando nenhuma pendência para trás.

Esses são os aspectos principais da rotina de um analista de infraestrutura de TI que, como você pôde ver, é cheia de responsabilidades e possibilidades de atuação. Quer ingressar na carreira e colocar em prática seus conhecimentos? Conheça a NetSupport e torne-se um Supporter.

Compartilhe no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *